segunda-feira, 26 de dezembro de 2016

boa punheta com o amigo


Meu nome é Albert e tenho 16 anos e o do Meu amigo é Caio e também tem 16 anos, nós somos do mesmo tipo, brancos, olhos castanhos, cabelos escuros, 1,70 por aí e corpos definidos. Também somos colegas de escola á muito tempo, mas este ano durante uma conversa de msn algo aconteceu. Ficamos muito mais íntimos, pois conversavamos sobre mulheres, sexo, tamanho de pênis e outras coisas picantes, até que um dia a conversa tomou um rumo diferente, e decidimos mandar fotos de nossos pênis por msn para que pudessemos comparar nosso tamanho, foi estranho, mas nós dois sentimos tesão em ver o pau do outro. Começamos a puxar assunto sobre masturbação, até que perguntei se já havia batido com seus primos, outros amigos... A resposta foi não pra os 2, então resolvemos marcar de ir no banheiro da escola para olhar um o pau do outro. Quando conseguimos uma aula vaga, o Caio me lembrou do nosso combinado e fomos ao banheiro, ficamos olhando para o pau do outro, até que o Caio tocou no meu pau híper duro e excitado, não resisti e comecei a masturbar ele, como já havia começado ele ficou tbm estava masturbando meu pau bem gostoso, e ficamos batendo ao mesmo tempo até gozar, ejaculamos quase ao mesmo tempo. A experiência foi muito boa, quase só falavamos disso nos dias seguintes. Nos masturbavamos na webcam vendo videos pornôs de qualquer gênero. Até que vimos um video gay onde os rapazes estavam na mesma situação que nós, no banheiro com o amigo. No vídeo além da punheta ele chupava o pau do outro e lógico que o comeu também. Comentamos se teriamos coragem de fazer um boquete um no outro, como troca, "se eu fizer você tbm faz". Então combinamos de novo em outra aula vaga fazer troca-troca no banheiro, mas dessa vez a gente ia chupar o pau um do outro, demorou algumas semana até que o dia chegou, e mais uma vez, Caio me chamou para ir ao banheiro, fomos ao banheiro colocamos os nossos pênis pra fora, tinhamos o mesmo tamanho em torno dos 17cm, mas meu saco era bem maior que o dele e isso chamava atenção dele, ele se abaixou e começou a chupar primeiro, eu fui a loucura, estava adorando aquilo, foi uma das melhores sensações q já tinha sentido, ele chupou até minha bolas, depois foi minha vez, o pau dele tava pulsando de tanto tesão, mas encarei aquele monstro e comecei a chupa-lo, ele não conseguia esconder o tesão, se segurava pra não gritar de tesão, depois paramos pq não poderiamos demorar muito, pra não darem conta de nossa falta, então comecei a bater pra ele, para gozarmos logo, enquanto eu batia, ele pegou na minha bundo e passou a mão no meu abdomem, achei estranho, pois para nós aquilo era apenas uma troca, mas era muito bom, depois ele chupou meu peito e foi muito bom, como ninguém gozava, cada um bateu o seu até gozar, terminamos, não falamos muita coisa e fomos para casa. no msn novamente comentamos nosso feito, e decidimos que foi maravilhoso, e precisavamos de mais tempo para fazer aquilo de novo, então marcamos de nas férias bater no banheiro do clube que caio fazia natação, que não ia quase ninguém, e junto com todo que fizemos, também concordamos em passar o nosso pau na bunda do outro, sem enfiar. Caio Gostou de ter passado o pau em mim, também gostei, na hora dá aquela vontade de penetrar, mas nos acalmamos, não estavamos alí para isso. Eu nem vi muito bem seu ânus, até hoje não sei como é kkk. Mas no geral foi bom. No Banheiro ouvimos alguém entrando acompanhado e falando um com o outro, "O que é estes viados estão fazendo aí?". Nosso coração disparou, nunca pensariamos que alguém entraria naquele banheiro inutilizado, mas o outro homem que acompanhava o tal cara que falou isso, disse: "Deixa isso pra lá, isso é normal" . Ficamos com a consciência pesada de sermos chamados de "viados", nós apenas estavamos experimentado o prazer. Mas nada Homossexual. Até que os homens saíram do banheiro, e conseguimos sair de fininho, aushaush foi muita emoção, mas depois como era de costume, comentamos nosso feito no msn, para nós valeu a pena, Caio, chupou meu pau como nunca, até gemi um pouco alto, e arrisquei fuder a boca dele, tbm chupei o pau dele com muito gosto, na hora do nosso novo feito, de colocar o pau na bunda, ambos gostamos da parte de colocar o pau no outro e isso foi o começo de uma grande cumplicidade de punhetas e trocas de boquete, depois disso, paramos um pouco, e tbm o Caio tinha se acertado com sua namorada e ele estava quase conseguindo transar com ela, mas enquanto isso não acontecia ele tirava seu prazer chupando meu pau delícioso e recebendo meu boquete durante poucas vezes que trocamos depois no colégio. Se algo acontecer, continuaremos o conto. Obrigado !

2 comentários: