terça-feira, 1 de março de 2016

presente de aniversario da vizinha

O que vou relatar ocorreu a exatos 5 anos.

Eu tinha 13 anos, um jovem adolescente, que morava com meu pai e minha madrasta.

Eu morava no bairro chamado Sitio são João aqui em Fortaleza. Na rua onde morava tinha muitos amigos, que gostávamos de jogar bola, usávamos umas garrafas pet com cabo de vassoura   como gol,mas quando chutava forte  para cima , então a bola sempre caia dentro na casa da tia de um dos meus amigos, porem na parte dos fundos da casa havia um muro que separava os fundos da frente da casa, mas a bola uma vez ou outra também caia lá. 

Certo dia pulei para pegar a bola, pois ela já havia autorizado, visualizei a bola e fui direto e reto na trajetória da bola, peguei ela e quando eu virei vi que a Samatha estava peladinha em sua varanda dos fundos se depilando, uma coroa de 30 anos, muito gostosa e bonita, então pedi desculpas e sai correndo, pulei o muro, mas não falei para ninguém meu coração disparado. 

Ela sempre gostou muito dos meninos desta rua, sempre nos tratou bem e sempre quando podia fazia lanche para nois.

 No meu aniversário de 13 anos ela me fez um bolo, porem resolvi passar a data do aniversário na casa de meus avós que moravam em outra cidade chamada de Aracati, quando cheguei de volta a casa de meu pai ele falou que a Samatha tinha feito um bolo pra mim, que eu deveria ir na casa dela para comer o bolo. 

Ao sair de casa já de encontro com ela, que estava indo ao mercado, então ela me disse para voltar mais tarde. 

Ao final da tarde vi ela havia chegado, pois a luz da casa estava acesa, chamei por ela que me mandou entrar.

- Fiz um bolo para você comer. 

- É o meu presente de aniversário para você.
- Ah! Obrigado, fico feliz por lembrar de mim.
- Vamos comer então?
- Sim, eu adoro bolo.

Ela vestia uma bata branca e um short jeans, estava bem deliciosa, mas eu só imaginava comendo ela, foram muitas homenagens no banheiro. 

Sentei na sala e ela veio servir o bolo, ao ela voltar da cozinha, percebi que ela havia tirado o sutien. 

Eu estava usando um short de nylon e camiseta regata, bem leve a roupa mesmo, ela me deu um pedaço de bolo e se sentou ao meu lado. 

Comi aquele pedaço e pedi mais, e ela me serviu. 

Desta vez ao ficar ao meu lado ela começou a passar a mão na minha perna e conversar sobre namorada comigo, me perguntando:

- Quantas garotas você já beijou?
- Duas!
- E como foi?
- Ah! Foi legal.
- Legal? Como assim? 
- Legal.

E ela passando a mão em minha perna cada vez mais próxima do meu pau.

- Mas você passou a mão na menina?
- Só uma que deixou!
- E ela fez algum carinho em você?
- Ela ficou fazendo um carinho em meu cabelo.
- Só isso?
- Só!
- Ela não fez isso?

Neste momento ela começou a acariciar meu pau por cima do shorts. 

Respondi meio ofegante que não.

- Então ela não sabe agradar um menino.

Ai a Samatha se levantou e me chamou para ficar de pé. Obedeci na hora. 

Ela me abraçou e me beijou, começamos um amasso gostoso, só que desta vez uma mulher tocava em meu pau e me ensinava como agarrar uma mulher, segurando a minha mão e me mostrando por onde ela deveria correr. 

Me mandou sentar e perguntou:

- Gostou?
- Sim! Quando faremos mais?
- KKKKKK. Agora!

Novamente se sentou ao meu lado e me acariciou o pau. 

Tirou a bata e mandou que eu a chupasse. Obedeci. 

Enquanto isso ela punhetava o meu pau, quando ela se levantou e tirou o shorts e a calcinha, sentou ao meu lado e colocou minha mão em sua buceta e perguntou:

- É a primeira buceta que você põe a mão?
- Sim!
- Ta gostando?
- É muito bom. Quero chupara ela!
- Então você quer me chupar? Pode vir!

Chupei aquela buceta deliciosa e depois ela chupou meu pau. Depois ela me deitou no sofá e subiu em cima de mim, e ficou cavalgando bem gostoso e sempre perguntava se estava gostoso. 

Depois de alguns minutinhos senti algo diferente, estava gozando nela, ela percebeu e saiu de cima e abocanhou meu pau, ficou chupando o pau meio mole, até que ele endureceu outra vez, e ela ficou de quatro e pediu para que eu fodesse com ela, senti a buceta dela tremer e ela falou que estava gozando, então comecei a bombar mais forte até gozar também. 

Depois deste dia nunca mais deixei de comê-la. 

Hoje 5 anos depois resolvi publicar a história aqui. 

Moramos na mesma rua ainda, meu pai me deu um terreno onde construí uma casa,estou namorando , porem sempre estou ajudando a bondosa vizinha.


PARA PARTICIPAR DO GRUPO DO WHATSAAP Blog dos Punhteiros Héteros 
 ENTRE 

>>AQUI  <<




1°Veja também mais videos de webcam de gatinhos batendo punnheta em dupla fazendo mão amiga clicando AQUI

2° veja também  na Seção de contos eróticos veridicos contados por nosso leitores clicando AQUI

3º veja também  um blog dedicado sobre masturbação,dicas,forum,informaçoes e comportamento adolescente clicando AQUI

4  VEJA TODA MATÉRIA SOBRE FIMOSE, COMO CUIDAR  DO SEU PAU



CLIQUE AQUI

5. VEJA O VIDEO DO NOVINHO GOSANDO PELA PRIMEIRA VEZ EM UMA WEBCAM
CLIQUE  >>  AQUI <<


6.VEJA COMO TUDO COMEÇA COM HÉTERO MAIS SEU AMIGO OU PRIMO OU COLEGA CLICANDO AQUI

7. VEJA DOIS ADOLESCENTES FAZENDO MÃO AMIGA INEDITO CLIQUE AQUI


8.Veja o Conto de um novinho que viu o seu irmão batendo punheta Clique aqui

Nenhum comentário:

Postar um comentário